Incansável no laboratório

Câmera CCD para microscópios Leica DFC365 FX

Velocidade e qualidade de imagem são os principais fatores para a documentação bem-sucedida de células vivas e amostras de fluorescência que desaparecem rapidamente. A câmera digital monocromática Leica DFC365 FX de 1,4 MP serve para aquisição rápida de células vivas e excelente documentação de fluorescência.

A câmera combina imagens brilhantes com resolução temporal alta (até 21 qps em quadro completo). Com a tecnologia CCD, a câmera oferece um modo de aquisição de imagem dupla com capacidade NIR (próximo ao infravermelho) para eficiência quântica aprimorada entre comprimentos de onda de 700 a 1.000 nm.

O sensor de alta sensibilidade e o resfriamento Peltier ativo regulado fornecem uma excelente relação sinal-ruído – tornando essa câmera ideal para aplicações exigentes de fluorescência, como experimentos de série temporal.

Câmera digital monocromática para aquisição ultrarrápida de células vivas e excelente documentação de fluorescência

Suas vantagens

Taxas de quadros altas

Com o modo de sobreposição, o sensor CCD de varredura progressiva de 2/3" lê os dados da imagem enquanto a próxima exposição é tomada.

Modo NIR (próximo ao infravermelho) opcional

Esse modo de imagem opcional proporciona significativa eficiência quântica aprimorada e torna a câmera ideal para monitorar corantes fluorescentes CY5 e Cy7.

Leiturarápida de áreas definíveis

O modo de varredura parcial permite a leitura rápida de áreas definíveis em resolução total. Pode ser combinado com os modos de sobreposição e de agrupamento.

Qualidade de imagem brilhante

Além da aquisição de imagens de alta velocidade, com 40 ou 20 MHz, a frequência de relógio adicional de 1,6 MHz possibilita excelente documentação de fluorescência.