De espadas de samurai a instrumentos cirúrgicos

Os microscópios são essenciais para o trabalho de inspeção de qualidade durante a produção de instrumentos cirúrgicos. As microtesouras, utilizadas com frequência em procedimentos neurocirúrgicos, são um exemplo de como a qualidade e a confiabilidade de uma ferramenta são fundamentais.

Com uma participação no mercado japonês de microtesouras de 90% e uma presença global (EUA, Espanha, Chile, França, Alemanha e Grécia), a Takayama Instrument, Inc. desenvolveu e otimizou, através de gerações, a técnica de forjamento utilizada na produção da lâmina de formato côncavo (“Naginata”) de suas tesouras microcirúrgicas. 

A empresa utiliza vários estereomicroscópios S8 APO e A60 F da Leica Microsystems em sua fábrica para a inspeção de instrumentos, entre outras atividades.

Ryushi Takayama nos recebeu na fábrica da empresa, em Tóquio, e nos explicou as sofisticadas técnicas necessárias para produzir tesouras microcirúrgicas e a importância dos microscópios durante o processo de produção.

Há mais de 120 anos, desenvolveu-se no Japão um método de afiação para se produzir lâminas tipo Naginata, com a ponta e a aresta extremamente afiadas. Ao longo da história, essa técnica de polimento foi transmitida através de gerações para a criação contínua de instrumentos cirúrgicos de qualidade. Atualmente, essa habilidade consagrada continua a ser usada somente na Takayama Instrument.

Apesar da longa tradição de trabalhos manuais na empresa, o CAD 3D é usado com frequência durante a usinagem para um controle preciso e contínuo. Tanto a tecnologia analógica quanto a digital são exploradas na produção de instrumentos. Por esse motivo, muitos jovens gostam de trabalhar na fábrica. Takayama enfatizou que, atualmente, se você não usar tecnologia de ponta, mesmo uma empresa líder mundial em instrumentos cirúrgicos como a Takayama Instrument não resiste à concorrência.

Ele também explicou como os estereomicroscópios da Leica permitem uma observação eficiente das partes dos instrumentos cirúrgicos durante a inspeção. Alguns recursos do microscópio, como amplo campo de visão, alta profundidade de foco e iluminação versátil, são cruciais para uma inspeção precisa e rápida.
Contexto: procedimentos neurocirúrgicos exigem habilidades difíceis e instrumentos cirúrgicos desenvolvidos com rigor. As microtesouras são usadas há muitos anos por neurocirurgiões do mundo todo. Os cortes e as dissecções finas que ocorrem durante uma neurocirurgia devem ser realizados com um microscópio. O espaço de trabalho é apertado, o tecido é frágil e os vasos sanguíneos finos precisam ser esticados, por isso, são necessários cortes com lâminas afiadas para remover o tecido.

Related Images

Related Files